Período de queimadas aumenta risco de incêndios envolvendo rede elétrica

Por RM

Postado em 23/08/2019 06:30:15



Com o aumento da temperatura, os índices de queimadas também crescem, já que o fogo se propaga com mais rapidez nesse período do ano. O alerta é para o perigo de incêndio próximo à fiação elétrica, uma vez que isso acarreta em problemas de segurança para toda a população, além da possibilidade de interrupção no fornecimento de energia.

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) faz monitoramento das áreas com maior incidência de queimadas e, no último relatório apontou que o Maranhão ocupa a 4ª posição, tendo registrado quase dois mil casos. A recomendação é não realizar queimadas, especialmente em áreas próximas a rede elétrica, por causa do perigo de incêndios.

“As queimadas causam prejuízo para saúde e principalmente para o meio ambiente e com isso podem causar danos ao sistema elétrico de potência da região”, afirma Rogério Farias, técnico de segurança do trabalho da Cemar. Ele explica ainda que um terço das ininterrupções não programadas no fornecimento de energia elétrica do país são causadas por incêndios próximos às redes elétricas.

Até outubro, os riscos de queimada são maiores, pois é o período que menos chove no Brasil. De acordo com Rogério, algumas dicas podem evitar incêndios de grandes proporções:

- Não elimine lixo ou plantações por meio de queimadas;

- Não jogue pontas de cigarro ou fósforos nas estradas;

- Não ascenda velas ou fogueiras próximo da vegetação mais seca;

- Não jogue latas de metal ou mesmo de vidro nas matas.

A Cemar está sempre realizando manutenção nas redes de energia elétrica para garantir o fornecimento e a qualidade de energia para os seus clientes. Mas é preciso a conscientização das pessoas sobre as queimadas e principalmente em proximidades dos fios elétricos. Ao presenciar riscos de incêndios próximos às redes elétricas, a população deve imediatamente acionar o corpo de bombeiros por meio do número 193 e a Cemar pelo número 116 ou no site (aqui).

Fonte: Assessoria de Imprensa da Cemar



  Deixe seu comentario aqui



  0 comentário:

Nenhum comentário ainda foi registrado. Seja o primeiro a comentar!

Busca no blog

Sobre Ricardo Marques

Advogado (OAB/MA 9572)
Jornalista (904/MA - MTE)
Radialista (3586/CE - MTE).

Últimos Posts