O jumento e a vaidade

Por RM

Postado em 06/08/2018 15:11:27



O jumento Precisoso, colega do “Cabeludo” entre os 100 melhores do Brasil

 “A vaidade é o defeito que eu mais aprecio nos homens.”

A frase acima é do personagem Milton – o diabo – interpretado pelo genial Al Pacino, em “Advogado do Diabo”. O longa é ficção, porém a força contida no âmago da frase é real e presente, sobretudo na ambiência dos poderes, dentro dos palácios, onde legiões de bajuladores e aproveitadores de plantão turvam o discernimento dos mandatários da vez, tirando-lhes do mundo real e colocando-os numa bolha onde a perfeição e a beleza de um mundo imaginário é obra do toque divino de suas majestades.  Pura ilusão. Alimentada, principalmente, pela incontida vaidade humana.

 

Os prefeitos “premiados”, na foto só faltou o jumento Precioso

A vaidade envolveu o prefeito de Caxias, Fábio Gentil (PRB), na malsinada premiação de uma tal “União Brasileira de Divulgação - UBD”, que lhe classificara entre “os 100 melhores prefeitos do Brasil”.

 

O certificado do “Cabeludo”, tal qual o de Precioso

Para vergonha geral de seus munícipes – mesmos daqueles que, desde o início, duvidaram da seriedade da tal “pesquisa” –, o “Cabeludo” assistiu ao desmonte da farsa pelo Fantástico deste domingo (05), que trucidou e fez virar chacota a tal UBD e seu respectivo engodo em forma de premiação, bancada com o erário – como já estava óbvio desde quando a “estória” surgiu. A reportagem do “show da vida” mostrou que até um jumento foi premiado entre “os 100 melhores prefeitos do Brasil”. Que vergonha alheia!

 

Matéria que foi expelida do site da Viúva

Pior, depois que o caso virou escárnio na blogosfera, eis que a matéria acerca da bisonha premiação – antes tão afamada pela horda de puxa-sacos ­– simplesmente se escafedeu do site da Prefeitura Municipal de Caxias, em mais um atentado grotesco bancado por boçais e incompetentes sem noção contra um órgão público oficial.

Entre a vaidade do “Cabeludo” e a ingenuidade do Precioso – o jumento agraciado com a premiação –, este redator fica com o segundo. Até porque, como já dizia o 'Rei do Baião', "o jumento é nosso irmão".



  Deixe seu comentario aqui



  2 comentários:

Por: Leônica

Costumo acreditar que a vaidade emburrece e a arrogância cega! Parabéns precioso



Por: Leônica

Costumo acreditar que a vaidade emburrece e a arrogância cega! Parabéns precioso



Busca no blog

Sobre Ricardo Marques

Advogado (OAB/MA 9572)
Jornalista (904/MA - MTE)
Radialista (3586/CE - MTE).

Últimos Posts